quinta-feira, 8 de março de 2012

JOVEM MULHER MORTA COM FACADA NO PESCOÇO



07/03/2012 às 17:55:27 - Atualizado em 08/03/2012 às 06:41:45

Corpo de mulher desaparecida é encontrado em balneário do litoral


Arquivo pessoal
Jovem estava desaparecida desde segunda-feira.
O corpo de Laura Joice Antunes de Paula, 23 anos, esposa de um policial militar, foi encontrado ontem à tarde, no litoral. Ela estava desaparecida desde segunda-feira, quando saiu pra passear de bicicleta. A jovem foi assassinada com uma facada no pescoço, e exames no Instituto Médico-Legal (IML) irão dizer se ela sofreu violência sexual.
Laura é mulher do sargento Valtencir Antunes, que estava de folga no litoral com a família. O capitão César Kamakawa, do 9º Batalhão da Polícia Militar, explicou que a vítima saiu de casa, por volta das 13h de segunda-feira, no balneário Barrancos, em Pontal do Paraná, para andar de bicicleta na praia. Ao anoitecer, a família acionou a polícia para ajudar nas buscas. Por volta das 23h, policiais encontraram a bicicleta de Laura no balneário Barrancos, local que se tornou o ponto de partida para mais buscas na terça-feira. Os bombeiros realizaram buscas aquáticas e tiveram auxílio de um helicóptero. A PM continuou com diligências por terra. Até mesmo cães de faro foram utilizados.
Às 16h20 de ontem, uma equipe da PM encontrou o corpo de Laura numa clareira, que fica dentro de um matagal, aos fundos do balneário Atami. A jovem tinha uma facada no pescoço. O capitão afirmou que, aparentemente, não há indícios de violência sexual. Mesmo assim, a polícia aguarda o laudo do IML de Paranaguá. Na opinião de Kamakawa, o crime não tem nada a ver com o trabalho do sargento e poderia ter ocorrido com qualquer outra mulher que estivesse passando pelo local. Ainda não há pistas do assassino.
O capitão acredita que Laura foi abordada nas proximidades de onde foi encontrada morta. Em seguida, o assassino deve ter levado a bicicleta e a abandonou cerca de dois quilômetros do local do crime. A região onde Laura foi assassinada é a mesma onde, em 2010, foi localizado o corpo da psicóloga Telma Fontoura, assassinada de forma semelhante. Um suspeito de matar Telma foi identificado e preso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário